Páginas

29 de out de 2012

Primeiros resultados



Tive 11.9 a Geologia e 13.1 a Quimica,estou tão feliz que quando cheguei a casa nem me apeteceu comer.
Vou ter mesmo de estudar antes que desça para a negativa,o pior é que eu estudei para estes testes.Mas não eram nada mais nada menos que 100 páginas cada e na mesma semana.
Adeus média sonhada -.-
Dizem que o primeiro impacto no secundário,na maioria é mau.Para mim foi pessimo,ja que a estas disciplinas tirava quase 5 no ano passado.

Foi com esta cara com que eu fiquei quando...


Lembram-se deste rapaz que falei aqui há algum tempo?
Pois bem,nós costumamos falar uma ou duas vezes por semana, e quando digo falar é falar umas 2 horas sobre os mais diversos assuntos.
Então,num momento "morto" que eu estava entretida a ver o meu reflexo no telemóvel quando ele diz:
-Estás linda.
Eu: Escusas de ser sarcástrico.
Ele:Não estou.Estás mesmo.
Eu:Oh,vai á merda.
Ele:Estou a falar a sério,estás mesmo linda.
Não respondi e imagino que corei.
Ele: Esta é a suposta altura em que tu dizes"obrigado".
Eu nem sei como fiquei,só sei que mudei o assunto rapidamente.Quer dizer,andei eu a gostar dele não sei quanto tempo e fiz um grande esforço para o esquecer,e agora é que ele me vem com estas coisas.
Até fiquei com os nervos em franja!Literalmente!
Já vos aconteceu algo parecido?

27 de out de 2012

Pc










Já sei porque é que o meu pc se estragou.Por uma razão muito simples:Eu usava-o em cima da cama,em contacto com as roupas da cama e não deixava as ventoinhas (ou aberturas) "respirar",por isso queimou por dentro.
Bonito serviço,juro que não sabia de nada desta coisa de não se poder ter o pc assim ,está bem que ás vezes fazia muito barulho e ficava quente,mas nunca pensei que fosse devido a isso :s
A boa noticia é que o meu pai mandou arranjar, a má é que quando tiver arranjado não mo vai dar.
Por isso já sabem,não façam o que eu fiz, e olhem que o fiz durante 5 anos inteirinhos.

Capitulo 18

Depois daquela cena com a Sofia,ainda fiquei umas horas a pensar,no que eu faria se estivesse na mesma situação que ela.E apesar de ter estado muito tempo a pensar cheguei a uma conclusão:Eu optaria por ter a criança,independentemente do pai assumir tudo ou não e independentemente daquilo que a sociedade iria pensar por ver uma adolescente com um filho.Mas entre o pensar no assunto e não estar na situação é uma coisa,estar é outra completamente diferente.
Mas pronto,no meio disto tudo a Sofia telefona-me a chorar,ao principio não percebi se era de alegria ou tristeza.
-Magda!Ai Magda!
-Então?
-Não estou grávida!Nunca me senti tão aliviada na minha vida!
-Oh!Fico bastante feliz por ti amiga!
Ela nem se despediu,disse que ia ligar ao Marcos e pronto lá foi.
Fiquei bastante feliz por ela,ia ser o cabo dos trabalhos se o alarme fosse verdadeiro.Pelo menos nos primeiros meses de vida do bébe,e quando a barriga começasse a crescer e toda a gente lá da escola começasse a notar e começasse o falatório.
Houve um caso de gravidez na escola no ano passado,a rapariga ficou grávida,abandonou a escola e o rapaz continuou lá como se nada fosse.O melhor é que gozavam com a rapariga e com o rapaz davam-lhe graças por ter sido tão machão ao engravidá-la.Ridiculo.
Mas depois de algum tempo "saltei" para um tema completamente diferente:há vida depois da morte?Sim,eu sei,tenho que ser positiva e encarar isto tudo como uma fase que vai passar,mas é um pouco dificil quando os próprios médicos não o são.Sinceramente eu nunca tinha pensado nisto,não a sério.Sempre achei que ia morrer velha e decrépita e rica já agora.Não agora,nem aqui.
Ria-me quando via aqueles programas de televisão em que as pessoas falavam com os seus entes queridos por meio de um Médium.Nunca acreditei que houvesse um ser superior que nos tivesse criado e assim,ate porque eu estava num curso de Ciencias que explicava a nossa evolução e assim.
Embora tivesse em Religião e Moral e fosse á missa todos os domingos e a minha familia fosse muito religiosa,eu simplesmente não acreditava.Não me perguntem porquê,mas agora não sei o que pensar.
Talvez venha a descobrir em breve,ou talvez não.
Está cientificamente provado que as pessoas que são mais otimistas,esse otimismo ajuda nas operações,eu vou tentar sê-lo agora.É uma operação para meterem uma cena qualquer  ou lá que é em vez de um orgão,do qual eu nem sei o nome,dizem que está a falhar e pronto têm que substituir.Já o tinham tentado fazer antes,mas eu tive um ataque de nervos e não deixei que me sedassem.Não,não estou a ficar maluca.Acho eu.
Wish me luck!

P.S: Lindas(os) desculpem mas na quarta tive que estudar para os dois testes de quinta e sexta por isso não pude postar,até porque não tinha nada e a imaginação estava no 0.

21 de out de 2012

Dream Theater- Lost Not Forgotten



Isto sim é musica para os meus ouvidos :)

20 de out de 2012

Opracá com Style e Call me maybe



Já devem estar fartos de ouvir paródias desta música, mas esta é Made in Portugal :)




Esta aqui é para as pessoas que gostam do grande Sake.
Farto-me sempre de rir com esta :b

19 de out de 2012

Rapazes



Digam lá o que disserem,para mim rapazes com pernas finas (não em exagero claro),são rapazes com as pernas bonitas.
Não gosto muito de apreciar rapazes com as pernas parecidas a presuntos ...
E voces?Reparam muito nestas coisas?

17 de out de 2012

Capitulo 17

Hoje o meu dia foi de loucos.Estava eu muito bem a ver um programa qualquer na televisão quando recebo uma enfermeira me vem avisar que tenho uma chamada...
Era a Sofia e o assunto não era nada bom,a nossa conversa ao telefone nem teve nexo nenhum.
Sofia: Magda!
Eu: Eu sei que sou eu.O que se passa?
Sofia:Coiso.
Eu: Quê?
Sofia: Eu e o Marcos coiso e agora coiso não sei.
Eu: Tu e o Marcos o quê?
Sofia:Coiso,Magda!
Eu:Não tou a entender nada.Voces acabaram?
Sofia:Não!Nós coiso.
Eu: Ah,já entendi.Mas qual é o problema?
Sofia:Esqueci-me.
Eu:De que?
Sofia:Oh,estás mesmo atrasada hoje.Já ai vou ter contigo.
Quando ela chegou,parece que tinha visto um fantasma pelo caminho de tão pálida que estava.Nem me disse olá nem nada e foi logo:
-Esqueci-me de tomar a pilula na semana passada 3 vezes!E nós não usámos proteçao e agora tou lixada.
Eu estava atónita a olhar para ela,ela era sempre tão cuidadosa com estas coisas, e ter-se esquecido logo 3 vezes numa semana foi obra...
-Mas já fizeste o teste para saber se estás gravida ou não?
-Não.Já contei ao Marcos,ele disse para ir faze-lo,mas estou com muito medo.
-Ai,Sofia!Como te foste esquecer 3 vezes?
-Sei lá!Isso interessa agora?
-Okay,tem calma.Já contaste á tua mãe?
-Não,achas?
-Vai fazer o teste,pode ser um falso alarme.
Entretanto a Amélia entrou no quarto e disse-me que tinha de ir fazer umas análises,já que alguns orgãos estavam a ficar muito mal.A Sofia lá se foi embora,muito atrapalhada e sem saber o que fazer.
Entretando a Amélia foi comentando comigo:
-Bela alhada em que a sua amiga se foi meter.
-Ouviste alguma coisa?
-Sim.Ela não é a primeira nem há-de ser a ultima a esquecer-se destas coisas...
-Pois.Mas se o teste der positivo ela está bem lixada.
-Pois menina...
E começou-me a contar um caso de uma rapariga que ela conhecia,e que os pais até a puseram fora de casa.Bem,espero que se a Sofia estiver grávida a mãe não se passe a esse ponto.

P.S: Sexta outro.Decidi variar um bocado e não focar demasiado na historia da Magda.O que acharam?

13 de out de 2012

10 de out de 2012

Capitulo 16


Depois do Kiko ter estado comigo e se ter ido embora,recebi a visita dos meus pais.Aquelas visitas foram sempre momentos alegres e gloriosos em que eles me apoiavam e diziam que ia correr tudo bem,me davam a mão quando eu chorava e tudo.Desculpem,sempre adorei usar a Ironia.
Sempre me perguntei  se os meus pais algum dia tinham tido a minha idade.Se nunca tiveram dúvidas acerca de quem eram e o que estavam ali a fazer.
Se nunca sentiram borboletas na barriga,a cara a escaldar e a voz a falhar quando viam a pessoa amada.
Nunca vi uma troca de carinho entre eles.Nunca foram o tipo de pais que andavam de mãos dadas ou que faziam olhares cumplices entre eles.Eles simplesmente discutiam e criticavam-me.
Sempre me perguntei porque é que eu não podia ser como aquelas raparigas que passeiam com as mães no Centro Comercial a rirem-se e a conversarem alegremente com as mães sobre a última moda ou mesmo que fosse,sobre problemas banais do dia-a-dia.
Porque é que a minha familia não era como a do Kiko ou a do Marcos?Todos se sentam á mesa e conversam normalmente de como foi o dia de cada um e quando há qualquer problema não o "resolvem" nem aos berros,nem á violencia.
Acho que todos queremos uns pais com quem possamos falar sobre as nossas coisas (ok,nem todas).Sou de acordo que os pais não devem ser conselheiros sentimentais,para isso temos os nossos amigos.Aprendi desde cedo a não confiar nos meus pais,sim eu sei,é horrivel de se dizer,porque toda a gente costuma dizer que se não confiarmos neles em quem confiamos?Digo isto por uma razão muito simples:cada vez que eu desabafava com eles,naqueles momentos em que eles estavam calminhos,uma hora depois já estavam a virar isso contra mim.Não entenderam?Por exemplo,se eu lhes dissesse que estava com dificuldades na Matematica,eles no momento diziam que tinha que ter calma.Mas logo a seguir diziam que não pagavam explicações,que havia de chumbar o ano por ser burra e que fui eu que fiz aquela opção de curso.
Quando os pais não apoiam,tentamos encontrar esse apoio noutras pessoas.Tios,avos,amigos...
Enfim,águas passadas não movem moinhos.

P.S: Sim,fraco,tive que escrever á pressa na aula de Biologia.

6 de out de 2012

Só problemas

Ola a todos! Como estão a ser os vossos dias?
Bem,os meus estão a ser pessimos.
Sei que devem estar a achar estranho o facto de eu não ter publicado o capitulo ontem como disse.
A razão é que o meu portatil esta estragado,e acho que o problema ate é bastante grave e custa um dinheirão a arranjar.Eu tinha o capitulo la,pelo que se não tenho acesso ao pc não tenho acesso ao capitulo.
É-me muito dificil vir aqui,por isso enquanto o pc não estiver bom só poderei vir 2/3 vezes por semana no máximo.
Em principio terça ja tenho o novo capitulo feito e postado,la vou eu ter que ir para computadores publicos.
As aulas estão a ser horriveis,não percebo quase nada da materia mesmo que estude.Maior parte dos professores só dão a aula para uma aluna e os outros que se lixem.
Para finalizar uma das minhas amigas que ficou na mesma turma que eu, vai mudar para outra.
Bem,espero que compreendam a minha situação e que tenham paciencia com isto,porque eu tambem espero vir a ter.
Beijos

3 de out de 2012

Capitulo 15


Já tinhamos chegado finalmente.O paciente que aguardava a Amélia era nada menos nada mais,que o Kiko.
-Que se passou?-perguntei eu preocupada.
-Nada que te interesse-disse ele.
Eu arquei uma sobrancelha e ele lá acabou por dizer que tinha caído da bicicleta
-Voces conhecem-se?-perguntou Amélia,um tanto ou quanto espantada.
-Ah sim,sim.Este é o Kiko,Amélia.
Disse eu corando.
-Ah,o famoso Kiko,tenho ouvido falar muito de si...Então vamos cá tratar desse arranhão.
Passado alguns minutos ele já estava com o curativo feito.
-Bem,Kiko,podes ir pôr a Magda ao quarto?É que isto hoje aqui no hospital está impossivel.Tou cheia de trabalho.-Amélia,bem tentava por uma cara séria,mas eu percebi tudo.
-Mentir é feio Amélia..-Disse eu entredentes.
-Bem,bem,vou embora,não quero ser despedida-disse ela rindo.
No caminho para o quarto eu e o Kiko não trocámos nenhuma palavra.
Digo,nenhuma palavra de relevante interesse.Só se estava bem e assim.
Chegámos e ele sentou-se á beira da cama.Eu já tinha subido para lá e estava ao lado dele.
-Desculpa.Desculpa por tudo o que te disse.Eu não quis dizer aquilo.Só que..
Disse ele ao fim de algum tempo.
-Só que?
-Só que eu não sei o que se passa comigo,digo o que não quero,digo o que não sinto.
-Eu percebo-te...Eu era assim tambem.Magoaste-me Kiko.
-Eu sei e peço desculpa.
-Estás desculpado,afinal,para que me serve ter ódio de ti?
-Não serve a ninguem ter odio de ninguem,Magda.
-Isso é verdade...
-Como anda a correr a vida lá fora?
-Uma merda.Tu fazes-me falta.
-Oh..
-Oh,nada.Fazes mesmo!Sinto falta de quando me tentavas roubar o comando da Ps2 ou quando iamos para a escola juntos e gozávamos com a professora de Biologia.Coitada da mulher.
Rimo-nos os dois.
-Coitada mesmo.Ela não merecia,ahaha.
-Ela perguntou-me como estavas.Ela estava mesmo perturbada,com as lágrimas nos olhos e tudo.
-Oh..Só causo sofrimento.Só.
-Não digas isso,baby...Vais ficar boa..Quanto estás a pesar agora?
-Hoje de manhã eram 30 Kg.
-Oh Magda...Isso é tão pouco.
-Pois é.Quem me dera poder ter os meus 50kg agora...O médico disse-me que o meu sistema digestivo não estava a assimilar a comida..Há baixas de peso todos os dias.
Ele pôs-me o braço á volta dos ombros,e eu encostei-me a ele.
-Kiko?
-Sim,princesa?
-Estamos na realeza para me tratares assim?
-Para mim estamos.Diz la,vá.
-Prometes que se eu coiso,escreves isso no meu diário e que depois ficas com ele?Depois podes fazer o que quiseres com ele,até fazer dele um best-seller.Ahaha..
-Isso não vai ser preciso amor...
-Mas se for,já sabes.
Custava-me dizer aquilo,era como se estivesse a programar tudo...
Ele não respondeu.
Em vez disso,olhou para o vazio e chorou.

P.S: Que estão achar?Bem sei que é raro encontrar historias assim,tristes.Mas deu-me para esta,talvez um dia faça uma historia alegre :)
Novo capitulo Sexta :)

2 de out de 2012

E as covinhas ?


Só para voces perceberem: Eu só gosto do que não tenho...
Quem tem covinhas no rosto?Gostam?


Maçãs do rosto proeminentes


Quando sorrio fico assim com as maçãs do rosto.Proeminentes.
E note-se que nem tenho o rosto gordinho,nem nada.Elas fazem isso por vontade própria...
Não sei porquê,é uma coisa que não gosto nada.
E a vocês,também vos acontece isto?

1 de out de 2012

Não me importava nada de #6

Imagens da semana326 48

Outono vem até nós *.*

Capitulo 14

A Amélia entrou para me trazer o lanche.
-Que lanche é hoje Amélia?
-Oh menina,não diga a ninguém mas trouxe-lhe as bolachinhas que tanto gosta...
-As Oreo?
-Sim,menina.-Disse ela sorrindo.
-Oh,obrigada Amélia és um amor.Já não posso mais com a gelatina do hospital.
Enquanto eu comia ela esteve sempre a conversar comigo.
-Amélia,o Kiko odeia-me.
-Ó Magda,que disparate.Ele gosta tanto de si.
-Ele disse que gostou de me conhecer e foi-se embora.Despediu-se Amélia.Despediu-se de mim.
-Ele está a agir de cabeça quente...Ele não sente o que lhe disse,ele não se despediu. Confie em mim.Conheço os homens como a palma das minhas maos.
É verdade.A Amélia sempre teve muitos namorados...O que nem sempre é sinónimo de os conhecer bem.
-E se for verdade?
-Não é,confie em mim.Bem,menina eu tenho que ir fazer uns curativos,que ha pessoas que pensam que com um arranhão lhe saiem as tripas.
Ri-mos as duas.
-Amélia,posso ir contigo?
-Poder,pode.Mas vai passar uma "ganda seca",como agora voces dizem.
-Oh não vou nada.Eu só de ver já tenho Equivalencia.
Pisquei-lhe o olho,ambas rimos lembrando de um caso de um certo politico muito falado..
-Consegue vir sozinha para a cadeira?
-Sim,acho que sim.
Não,não é uma cadeira normal.Eu estava numa cadeira de rodas.Nunca pensei.Também nunca pensei que ia chegar a estes pontos.
Mas agora os médicos têm tanto medo,que eu possa partir algo só de andar,que pronto,estou aqui.
O meu quarto é do lado oposto aos"Curativos"  ,pelo que ainda demorou um pouco até lá chegarmos.
Á medida que ia,via crianças,jovens e adultos como eu.
Estavam deitados numa cama.Tinham um olhar perdido,vazio,focando o nada.Á espera da morte.
Eu antes pensava que uns kilinhos a menos não me faziam diferença nenhuma,mas não foram só 2 ou 3.Foram mais de 10kg.
Admito fiquei bastante contente quando comecei a notar que tinha que baixar  o número das calças do 34 para o 32.Fiquei contente quando os meus ossos das ancas se começavam a notar muito.Fiquei contente quando as minhas colegas do balneário me disseram que estava magrérrima e tinha corpo de modelo.
O que para elas era uma critica,já que eu mesmo nessa altura era só pele e osso praticamente.Já nem mamas "tinha",antes vestia um 38/40 de soutien,agora já nem o preciso de usar.Tinha corpo de miuda.
O que eu não quis vir antes,vejo-o agora.
Só me apetece voltar atrás no tempo.
Mas isso de momento não é possivel,embora já haja um grande nivel de tecnologia,ainda não inventaram uma máquina dessas.
Provavelmente quando tiver construida e modelos á venda,já não estarei por cá.

P.S: O que acharam? Novo capitulo na quarta (: