Páginas

5 de jul de 2013

Conversas de cabeleireiro-Homossexualidade

Olá Blogosfera! Sei que tenho andado um pouco esquiva em relação a posts,mas pronto,férias sem nada para fazer não dão grandes ideias.
Acontece que na passada semana fui cortar o meu rico cabelo (rico em pontas espigadas),e ainda cortei um bocado,antes tinha-o a mais de metade das costas agora fica no meio do meio das costas (coisa que se entende).Claro que os meus pais fizeram um escândalo e disseram que eu não tinha cortado nada,enfim.Se fosse pela vontade deles faziam-me um corte "á tigela" e pronto.
Mas não foi este o assunto que me levou a escrever este post.
Entaõ,estava eu á espera da minha vez no cabeleireiro,para me ir sentar na cadeira elétrica,quando aparecem um homem e uma mulher dos seus 35 anos.Assunto puxa assunto e acabaram por falar nas pessoas que gostam de pessoas do mesmo sexo.E á mistura na conversa estava a cabeleireira (dos seus 35 anos também),uma mulher com uns 40 anos e uma mulher já de idade (tem quase 70 anos).
Estavam eles a falar que não tinha jeito nenhum o casamento gay,muito menos a adoção de crianças :
-"Imaginem que a criança está na escola e perguntam-lhe:"Quem é o teu pai?" é aquele;"Quem é a tua mãe?"também é aquele.Isto tem jeito algum?"-foi o que uma das mulheres disse.
-Porque é que eles vão para a cama?Tem algum jeito?Serve para que se não podem ter filhos?-Vira-se outra.
-Brutidades,é o que é,coisas estúpidas-Disse o homem.
-A mim não me importa se são gays,lésbicas,desde que sejam feliz é-me igual.-Disse a mulher de 70 anos.
Há mentalidades e mentalidades,não é por uma pessoa ser "velha" que não possa ter uma mente aberta,não é por uma pessoa ser "nova" que a tem de ter.
Digam ai,as vossas opiniões sobre o assunto,pessoas :)
P.S:Amanhã é a minha viagem até á Suiça,vão ser 18 horas enfiada num autocarro,vou levar o portátil  e a máquina fotográfica,e vou pôr algumas fotos do país aqui (minhas não,não quero receber contas para pagar de arranjo do ecrâ de alguém).

9 comentários:

Audrey Deal disse...

Espero que te divirtas. O teu blogue está super giro!

-OneDay disse...

Sinceramente concordo com a mulher de 70 anos. Nesse caso de uma criança ser adoptada por um casal homossexual pode ser estranho mas é melhor a criança continuar sem uma família? Ao menos é amada. "A mim não me importa se são gays,lésbicas,desde que sejam feliz é-me igual" mesma opinião (:

Cátia disse...

Eu sou a favor das relações e da adoção. Realmente não vejo mal algum. Seria de esperar que com o passar dos anos a mentalidade da humanidade aumentasse e estivesse aberta a novas coisas.

Daniela F. disse...

Acho que não devemos julgar ninguém pelo o que é, cada um tem de ser feliz a sua maneira.
Boa viagem

Teresa Isabel Silva disse...

Olá!!!
Antes de mais espero que a viagem esteja a correr bem!!!

Por acaso esse assunto das mentalidades é mesmo complicado, porque a idade nem sempre está relacionada com isso, tal como exemplificas-te neste post!!1

Bjxxx

maria inês. disse...

felizmente ainda há pessoas de mente aberta , e qe ñ se importa c o qe os outros pensam mas sim com a felicidade .. sinceramente ñ consigo ser contra a homossexualidade , já o tentei p ver o qe vai na cabeça dos homofóbicos , mas ñ consigo , é coisa qe a mim ñ me importa , e compreendo qe algumas pessoas meta nojo , mas p mim acho perfeitamente normal , talvez p ser mais nova ( sinceramente , até acho sexy dois homens aos beijos xd)

r.: infelizmente ñ ficamos aqi p smp :/

Blackbird disse...

Geralmente as pessoas mais velhas têm uma mente mais fechada e não aceitam tão bem esse tipo de coisas mas há excepções!

Essência disse...

Mas assim "inventaram" a hora, como sabia que a posição X do sol era uma determinada hora? xD
beijinhos

Rita disse...

Nunca pensei que fosse a senhora mais velha a dizer isso... Mas fiquei super surpreendida!