Páginas

9 de jul de 2013

Quero a minha normalidade de volta



Não sei qual é o destino que "nós" vamos ter.Nem sei se vai haver um "nós".
Gosto demasiado de me sentir livre,não me sentir apegada alguém.
Estão a acontecer coisas  tão depressa que acho que eu não quero isto já,mas por um lado quero.
Não é normal pensar tanto nele,não é normal ficar melancólica quando vejo casais na rua,não é normal ele ser o meu primeiro e ultimo pensamento de um dia.
Eu estava tão bem sozinha,sem ninguém com que me preocupar.
Damn,odeio isto,quero a minha normalidade anormal de volta!

2 comentários:

Wendy disse...

Força querida!

Cátia disse...

adorei a última frase e... fica com a anormalidade anormal (é, acabei de inventar com a ajuda das tuas palavras)