Páginas

5 de ago de 2013

Chega a um ponto que basta


Simplesmente fartei-me de ser sempre eu a arranjar assunto,das respostas secas,dos silêncios,dos corações,da realeza,da fofura,fartei-me de dizer coisas para ele não ficar triste,coisas que eu não sentia.
Somos demasiado diferentes,os nossos objetivos de vida são diferentes,a maneira de pensar,de dizer as coisas,tudo é diferente.
Alguns opostos até se podem atrair,mas tem de haver alguma coisa que os una e pronto.
Mas podem ter a certeza se eu me tivesse apanhado por ele,estava com a auto-estima baixa a esta hora (isto já é outra historia,depois conto-vos).
Ás vezes gostava de não ser assim,não fazer destas coisas uma coisa de lógica e se dá dá se não dá adeus.

P.S: Eu por muito estranho que pareça,ate nem estou nada triste,eu desde inicio sabia que tinhamos pouco a ver,por isso nao depositei muitas esperanças nisto.
P.S :Eu acho que muita gente esta a pensar que eu estou mal com isto,simplesmente não estou,ele é que dizia sentir algo por mim,mas da minha parte nunca foi nada,so amizade.E agora simplesmente tenho a certeza.

9 comentários:

Blackbird disse...

Força, às vezes as coisas não resultam...

eusouaquele disse...

Força!

Cátia disse...

Toda a gente tem isso da lógica mas às vezes pensa-se "olha, não estava destinado". E isso, é quando já estão na fase de ultrapassar

Hurricane disse...

às vezes as coisas não sao como queremos..

Meu canto meu mundo disse...

Entendo isso, e o sentimento que nos provoca :(
Força !

http://mundodeariel.blogspot.com/

maria inês. disse...

se calhar até foi o melhor para ti :/

r: também não me importava de ser antropologista forense (:

Francisca disse...

É... chega a uma altura que farta... Lutar por algo que não é correspondido. Força!

teixa pinto disse...

Talvez tenha sido a melhor opção! Infelizmente nem todas as coisas são como queremos! Beijinho

Camila. disse...

Tudo tem um inicio, um meio e um fim, o que importa é que tenhas aproveitado o que isso possa ter-te ensinado :)