Páginas

12 de abr de 2016

Alguém que me explique a lógica disto (é, eu sei, ando inspirada): estar num supermercado, pegar num produto, abri-lo, ingerir e ir pagar depois. Why the f*** vocês fazem isso?! Mas quando vão a uma loja de roupa vocês vestem a camisola, vão com ela até à caixa e só depois a vão pagar, ou pagam a camisola e posteriormente a vestem? A camisola não vai "desaparecer" depois de a vestirem, mas quando metem a comidinha na boca, ela já não volta para a embalagem em que estava, pelo menos no seu estado original. E sim, podem até argumentar que "Ah, mas eu tenho dinheiro, depois pago!", pois, e se por alguma razão chegarem à caixa e não tiverem? O que acontece é que o produto fica inutilizado e nem sequer o podem levar. O produto não é vosso SÓ porque pegaram nele, o produto é vosso QUANDO o pagarem.
É assim tão difícil de entender a parvoíce inerente a isto?

5 comentários:

Kiara disse...

Tudo depende de qual for o produto. Já muitas vezes aconteceu ir às compras com os meus pais, e algum de nós ter cede. Se ainda estamos no inicio das compras, pegamos numa garrafa de água e bebemos ainda dentro do supermercado, sendo que depois a colocamos no nosso carrinho de compras para a pagar no final. Não fazia muito sentido andarmos durante as compras cheios de cede. Tudo depende do produto que estamos a falar, eu acho.

Beatriz Sousa disse...

Isso é bem verdade, já aconteceu várias vezes eu ia ao supermercado e ver alguém a abrir um pacote de bolachas comer e só depois ir pagar... acho estúpido. Até porque aposto que não está assim com tanta pressa que não pode esperar 2 minutos

Green disse...

Já vi pessoas a fazerem isso mas também já vi pessoas a fazerem o mesmo mas a deixaram a caixa vazia a um canto e não pagarem. Pessoas sem qualquer noção do ridículo e sem educação.

Nêsa disse...

Já fiz isso quando era mais nova com garrafas de água. Embora fosse muitíssimo raro (só mesmo quando a minha mãe nao tinha dentro da mala e estava com muita sede) fazia-o simplesmente porque 1º era uma criança e 2º era quando a minha mãe ia fazer as compras "maiores" e ainda estava no início. Agora sem ser água também não estou a ver nenhum produto que torna essa atitude justificável

Anônimo disse...

É por isso que é proibido comer dentro do supermercado.